Quer dar treinamentos? Veja isso!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Hoje quero conversar com você sobre um assunto um pouco mais técnico. Se você é um profissional que esta na liderança ou pretende ter um cargo de liderança você vai em algum momento da sua vida profissional organizar ou ministrar algum tipo de treinamento.

Pensando nisso, coloquei aqui, os 7 passos a seguir na hora de organizar um treinamento, então vamos lá!

É importante que exista dentro da drogaria uma rotina de treinamento para os colaboradores em todos os setores: Caixas, Financeiro, Estoque, Compras e também no setor de Vendas e Marketing.

Diante disso, é preciso que se tenha um cronograma e uma rotina de treinamentos para capacitar e ajustar tudo o que for preciso, com o objetivo de, executar todos os processos com excelência. Um treinamento terá mais sucesso, se quando for planejado, levar em consideração os seguintes itens:

  1. Objetivo específico

O primeiro passo no momento de montar um treinamento é ter um objetivo específico! Qual o motivo de dar o treinamento? O que você pretende com ele? Melhorar as vendas de um produto? Apresentar um novo produto? Melhorar um processo dentro da drogaria?

  1. Tipo

Basicamente falando você tem a sua disposição dois tipos de treinamento, sendo um tipo o treinamento Técnico e o outro o Comportamental.

O treinamento técnico é aquele está diretamente ligado a venda de um produto, ao modo de usar um sistema, como dar entrada de mercadoria, ou como ainda, alimentar um gerenciador financeiro, resumindo, é um treinamento voltado a uma informação técnica em relação a um produto ou processo.

Já o treinamento comportamental esta ligado a postura e comportamento dos colaboradores na rotina de trabalho, geralmente são treinamentos mais voltados ao atendimento ao cliente e gestão de pessoas como um todo (trabalho em equipe, liderança etc), este tipo de treinamento, visa o desenvolvimento dos colaboradores como pessoa.

  1. Carga horária definida

Tenha definida a carga horária do treinamento, estude seus recursos e equipe e estipule um tempo de treinamento e respeite isso, desta maneira, a rotina de atividades da drogaria não é afetada.

  1. Método

Existem vários métodos de se ministrar um treinamento, pode ser por meio de uma dinâmica, vídeo aula, minicurso, palestra, material de leitura, provas e assim por diante. Tenha métodos predefinidos, e alterne os métodos entre os treinamentos, assim, eles ficam mais dinâmicos e você tem mais sucesso no engajamento dos colaboradores.

  1. Responsável por ministrar o tema

Tenha sempre um responsável por ministrar o treinamento definido, este responsável pode ser escolhido por meio de um rodízio entre os próprios funcionários ou ficar na responsabilidade do proprietário/gerente e farmacêutico.

  1. Turmas definidas para receber o treinamento

Sabemos que a drogaria tem uma forte rotina de processos e atividades, levando isso em consideração, monte turmas de treinamento, o objetivo é você conseguir oferecer os treinamentos, sem alterar a rotina de processos da drogaria.

  1. Periodicidade

Os treinamentos precisam ser constantes e contínuos, de preferência uma vez por semana ou a cada 15 dias. Quando existe uma rotina de treinamento os colaboradores estão sempre aprendendo e se engajando cada vez mais nos processos.

Quando existe um prazo muito longo entre os treinamentos, a prática mostra, que a participação dos colaboradores é menor e os resultados não são tão satisfatórios.

Agora que você entendeu melhor como organizar um treinamento, comece agora mesmo a fazer o seu planejamento e a programar os treinamentos dentro da drogaria.

Gostou do texto? tem uma opinião a respeito? Tem algo a dividir? Deixe um comentário, vou ter o maior prazer em interagir com você!

Vitor Costa – bora bora bora…  😎

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *